Navegar é preciso. Viver não é preciso.

A internet aproxima as pessoas? Uma mentira. Facilita bastante a comunicação, mas nem sempre da maneira mais verdadeira. O mundo virtual torna tudo mais artificial e distante da realidade, bastando um canto de um quarto fechado frente a tela do computador, deixando transparecer para a rede o que quiser. Cada qual se mostra como acha melhor, para conseguir se dar melhor.

Prefere o frio das teclas ao calor humano? Pois está perdendo a melhor maneira de viver algo. Atualmente, a vida está bem corrida. Para economizar tempo, é mais fácil sentar na frente do pc de camisola e meias, com o café a mão do que passar uma hora se arrumando para um breve encontro em uma lanchonete qualquer.  Mas isso não quer dizer levar essa vida de bananas de pijama o tempo inteiro. Você seria um completo banana!

Não é certa a veracidade total das coisas, não há nada que nos dê garantia. É certo que a vida real inclui muitas falcatruas e armadilhas, mas isto encaixa ainda melhor no mundo virtual. Um olhar é impagável comparado a um emoticon de msn. Um toque se torna inigualável se comparado a uma situação imaginada. Sentir na pele está se tornando muito raro, hoje em dia.

Anúncios

Um comentário em “Navegar é preciso. Viver não é preciso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s